Tag Archives: Rio de Janeiro

FASHION RIO 2013/2014

Coletiva de imprensa abre oficialmente temporada de Verão 2014 no Rio

A Panorâmica de entrada do Fashion Rio 2013/2014

Começou nesta segunda (15.04) mais uma edição do Fashion Rio que marca os lançamentos do Verão 2013/14. O evento ocorre entre os dias 15 e 19 de abril na Marina da Glória, onde 25 marcas vão apresentar as suas propostas para a temporada.

Com o tema Colorpop, a decoração aposta nas cores primárias que trazem vibração e estimulam a criatividade. “Nesta edição não temos como tema nenhuma pessoa nem nenhuma imagem, mas temos a cor, que serve de inspiração para o designer e para o próprio Rio de Janeiro”, explica Paulo Borges, diretor criativo do Fashion Rio e CEO da Luminosidade, durante a coletiva de imprensa em que apresentou o evento e os seus parceiros, e falou mais uma vez sobre a importância da mudança do calendário oficial da moda brasileira. “Este ano já começamos no timing para criar uma moda com mais planejamento”, explica. “Hoje, devido à força da informação, que para o consumidor é bom, a indústria estava com um tempo de aproximadamente 40 dias desde a apresentação do produto até a sua chegada nas lojas. O tempo entre lançar, produzir e entregar uma coleção tem que ser viável”, diz Paulo reforçando as melhorias que o novo calendário pode trazer ao mercado. “O Brasil está em uma fase de acertos e correção de rotas e a moda faz parte disso. Todas as indústrias vão passar por momentos difíceis, mas só a moda irá enfrentá-los com glamour”, diz brincando.

A vista externa da Marina da Gloria que alberga o Fashion Rio 2013/2014

Na coletiva falaram também os representantes das parcerias do evento: Carlos Ieker, vice presidente do sistema Firjan e presidente do Sindicato Têxtil; Luciana Ceccon, executiva de marketing da Melissa; Fernando Pimentel, diretor superintendente da ABIT; Thales Figueiredo, gerente de promoções e eventos da Riachuelo; Andrea Mota, diretora executiva de marketing e vendas d’O Boticário; Fabiana Pereira Leite, coordenadora de moda e confecção do Sebrae RJ; e Monique Cordeiro, relações públicas da L’Oréal, marca estreante no evento. Todos apresentaram os seus lounges e falaram sobre o momento da moda brasileira e da exportação do Brasil enquanto força cultural para o mundo. “Juntando economia produtiva e economia criativa, o Brasil tem condições de enfrentar a competição internacional e o mercado chinês”, diz Fernando Pimentel da ABIT.

O interior do evento Fashion Rio

Acima de tudo, o Fashion Rio Verão 2013/14 parte da crença de tornar a indústria da moda uma força transformadora e planejada, com capacidade de ser um cartão de visita do Brasil para o mundo.

O Rio Fashion começou com a apresentação das renomadas Marcas 2nd Floor, Filhas de Gaia e Alessa, ontem pelo que observei, e o que mais predominou nas coleções foram os look’s preto e branco e muita estamparia característico com o Rio de Janeiro que é uma cidade de clima totalmente tropical, onde tudo que e usado é moda. Não tem pra onde correr. Hoje a Blue Man apareceu com uma coleção altamente irreverente e ousada muito aplaudida pelos convidados. O que ouvíamos na Marina da Glória era o despojamento da coleção muito chique e atual. Tudo que se refere ao meu amigo particular Paulo Borges faço questão de divulgar seus eventos que são feitos com profissionalismo e competência. Amanhã eu conto mais!!!

2nd Floor

Alessa

Filhas de Gaia

Blue Man

 

Por Tenório Pinheiro da Revista Caras e Nomes

Papa é argentino, mas Deus é brasileiro, diz Dilma após encontrar pontífice

Dilma se encontra com Papa Francisco no Vaticano (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)

A presidente Dilma Rousseff, primeira chefe de Estado a ser recebida pelo papa Francisco após a missa inaugural do pontífice, brincou nesta quarta-feira que os argentinos têm sorte pela escolha de um papa de seu país, “mas Deus é brasileiro”.

O encontro de Dilma com o argentino Jorge Mario Bergoglio, eleito papa no conclave da semana passada, durou cerca de 20 minutos no Palácio Apostólico do Vaticano. A audiência foi bem-humorada e o papa Francisco falou “portunhol”, contou Dilma a jornalistas após a audiência.

“Ele disse que está com o Brasil e com a América Latina. É um papa muito normal. Ele fala um portunhol e entende o português”, disse a presidente, segundo a Agência Brasil.

Questionada por um jornalista sobre o que pensa de o papa ser argentino, Dilma respondeu com bom humor: “Vocês, argentinos, têm muita sorte. A gente sempre diz: o papa é argentino, mas Deus é brasileiro.”

O papa, que iniciou oficialmente o pontificado a partir da missa inaugural na terça-feira, disse à presidente que pretende visitar a cidade de Aparecida, em São Paulo, onde fica a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, após participar da Jornada Mundial da Juventude em julho, no Rio de Janeiro.

A Basílica de Aparecida, considerada o maior santuário do mundo dedicado a Maria, recebeu em 2007 a 5ª Conferência-Geral do Episcopado Latino-Americano e do Caribe.

O então cardeal argentino Jorge Bergoglio participou da conferência, assim como o agora papa emérito Bento 16.

Dilma disse que o papa lembrou da visita a Aparecida na conversa com ela, e a presenteou com um livro resultante da conferência. A presidente contou que o papa fez uma recomendação: “Não leia o livro todo.”

“‘Você não precisa ler tudo porque você pode se aborrecer, então você pega o índice e vai nos assuntos que te interessam’, ele me disse”, disse Dilma.

No encontro, Dilma e o papa também conversaram sobre a tragédia na boate de Santa Maria este ano, o combate às drogas na juventude e as políticas de enfrentamento à pobreza no Brasil. Segundo a presidente, o papa demonstrou conhecimento sobre os programas sociais do governo.

Em seu início de pontificado, Francisco, primeiro papa jesuíta e que escolheu o nome em homenagem a São Francisco de Assis, tem deixado claro que a prioridade da Igreja deve ser a proteção dos mais fracos.

“O papa é extremamente carismático e tem um compromisso com os pobres, o que torna a relação com o Brasil muito importante porque o governo brasileiro vem nos últimos dez anos… focando a questão da superação da pobreza”, disse Dilma.

“Expliquei como é que estamos. Mas ele conhecia bem. Não houve surpresa, ele conhecia bastante bem”, acrescentou.

PAPA CONFIRMA QUE VAI A JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE

Depois de se encontrar reservadamente com o Papa Francisco na manhã desta quarta-feira (20) no Vaticano, a presidente Dilma Rousseff afirmou que o pontífice confirmou sua presença na Jornada Mundial da Juventude, que ocorre em julho no Rio de Janeiro, de acordo com assessoria de imprensa do Planalto.

Segundo a presidente, que reforçou ter sido a primeira pessoa a ser recebida pelo Papa após a missa inaugural, Francisco também visitará a cidade de Aparecida, onde fica a maior basílica do Brasil, no interior de São Paulo.

A reunião com Papa, que começou às 11h no horário local, 7h, em Brasília, durou cerca de meia hora e foi “bastante interessante”, segundo a presidente.

Questionada por um repórter argentino sobre o que achava do Papa, Dilma respondeu que Deus é brasileiro: “Eu acho que vocês têm muita sorte, vocês têm um grande papa. A Argentina está de parabéns. Agora, a gente sempre diz, o papa é argentino, mas Deus é brasileiro”.

Dilma afirmou que o Papa Francisco espera uma presença grande de jovens na Jornada porque ele é “o primeiro em várias coisas”.

“Ele estava me dizendo que espera uma presença grande dos jovens na medida em que ele é o primeiro Papa. Ele é o primeiro em várias coisas. Ele é o primeiro Francisco, o primeiro jesuíta, o primeiro latino-americano, o primeiro argentino, e ele espera a presença massiva de jovens”, afirmou.

A presidente afirmou que o Papa se lembrou de uma conversa que teve com ela em Aparecida, em 2007.

“Logo depois da grande participação dele [na Jornada], ele vai a Aparecida e até me lembrou que, em 2007, esteve em Aparecida, me deu inclusive um livro que é a síntese do que eles fizeram em Aparecida em 2007, que foi uma conferência de bispos latino-americanos. Ele me disse assim: você não lê tudo, porque você pode se aborrecer, então, você pegue o índice e pegue os assuntos que te interessarem e vai lendo aos poucos”, disse.

SANTA MARIA
Segundo Dilma, o Papa disse que o Brasil demonstrou “força e ternura” após a tragédia em Santa Maria, Rio Grande do Sul.

“Ele também me deu um conselho e me disse: eu fiquei muito comovido com a questão que ocorreu em Santa Maria e acho que a gente tem na vida que demonstrar força e ternura e, em Santa Maria, o Brasil demonstrou força e ternura. Eu fiquei muito agradecida também e acho que ele será um Papa muito importante para o momento que nós vivemos”, disse.

Do Site globo.com (Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

Tenório Pinheiro e o Príncipe Albert de Mônaco

O colunista Tenório Pinheiro, participou e fez a cobertura exclusiva para a Revista Caras e Nomes do 21° Baile de Gala do Copacabana Palace, na capital maravilhosa (Rio de Janeiro). Destacamos um momento especialíssimo do colunista com o Príncipe Albert de Mônaco. MAIORES DETALHES DA COBERTURA DESTE MEGA EVENTO NA PRÓXIMA EDIÇÃO DA REVISTA CARAS E NOMES NA COLUNA DE TENÓRIO PINHEIRO.

O colunista Tenório Pinheiro e o Príncipe Albert de Mônaco

Uma panorâmica da decoração do Baile de Gala do Copacabana Palace

A Jornalista Marta Bptista e a ex-namorada de Germano Gerdau, Rose de Oliveira.

No momento de descontração o ator global Alexandre Nero (Stênio da novela Salve Jorge) posa com o colunista Tenório Pinheiro

Espetáculo Pão com Ovo é sucesso no Rio de Janeiro

Sucesso de público em São Luís, a turma do Pão com Ovo foi brilhar no Rio. No vídeo, a bela Clarisse Milhomem é reverenciada em Copacabana. É ela, a nova Garota de Ipanema. Ainda quero ver essa gatona brilhar na Lapa e na Avenida Brasil…. A comedia Pão com Ovo da Santa ignorância Cia de Artes será apresentada dia 9 de novembro, no Rio de Janeiro no Bar do Tom, no Leblon e em São Luis nos dias 7, 8, 9 e 14, 15 , 16 de setembro no Teatro Arthur Azevedo. Imperdível gente!!

Fonte: blog Zeca Soares

Centro Histórico é cenário da próxima novela da seis

Quem passa pelo Centro Histórico de São Luís tem visto uma mudança no cenário nos últimos dias. Uma equipe de cerca de cem pessoas está na capital junto com um elenco de estrelas da Rede Globo gravando cenas da próxima novela das seis. Em “Lado a Lado”, São Luís vai ser o Rio de Janeiro do início do século XX.

Na porta do hotel onde o elenco se caracteriza, a curiosidade vem acompanhada da admiração e o som do fanatismo é agudo! Camila Pitanga, Lázaro Ramos, Marcelo Melo e Zezeh Barbosa são só algumas das estrelas que vieram a São Luís para gravar cenas da próxima novela das seis da Rede Globo, “Lado a Lado”.

O Centro Histórico de São Luis foi o local escolhido pela direção da nova novela para ambientar o Rio de Janeiro do início do século 20. Semelhanças como as nossas construções coloniais, com influência francesa, foram fundamentais para essa escolha. Uma das escadarias mais famosas da cidade, por exemplo, foi usada para a gravação de uma das cenas.

Essa não é a primeira vez que São Luís é usada como cenário da novela. Em 2001, cenas da novela “O Clone” foram gravadas na cidade. Depois, em 2004, foi a vez da novela das sete “Da Cor do Pecado” rodar imagens de São Luís.

Rio escolhido como Patrimônio Cultural da Humanidade

O Rio de Janeiro foi escolhido, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), como Patrimônio Cultural da Humanidade. Com isto, a cidade se torna a primeira do mundo a deter o título na categoria paisagem cultural urbana.

A escolha se deu durante a 36ª Reunião do Comitê do Patrimônio Mundial da Unesco (36ª WHC), que ocorre em São Petersburgo, na Rússia.

A candidatura do Rio de Janeiro está inscrita na categoria Paisagem Cultural e foi entregue em setembro de 2009 à Unesco. Nela, consta um dossiê completo da candidatura, justificando sua importância e seu valor universal, que está, principalmente, na soma da beleza natural da cidade com a intervenção humana.

Ao justificar a candidatura do Rio, o Iphan lembra que a cidade é reconhecida como uma das cidades mais belas do mundo e encontra na relação entre homem e natureza a âncora para a sua candidatura. O instituto também destaca os ícones da beleza natural da cidade como o Pão de Açúcar e a entrada da Baía de Guanabara.

Informações do Iphan

Chico Anysio morre aos 80 anos

Chico Anysio posa em sua residência, em São Paulo, em junho de 2009 (Foto: Leonardo Wen/Folhapress )

Morreu nesta sexta-feira (23), aos 80 anos, o humorista Chico Anysio. Ele estava internado no Hospital Samaritano, na Zona Sul do Rio, havia três meses. Ao longo de seus 65 anos de carreira, Chico Anysio criou mais de 200 personagens e foi um dos maiores humoristas do Brasil com destaque no rádio, na TV, no cinema e no teatro (abaixo, nesta reportagem, relembre sua trajetória). Ele deixa oito filhos.

Anysio apresentou uma piora nas funções respiratórias e renal na quarta-feira (21) e voltou a respirar com ajuda de aparelhos durante todo o dia. Ele estava no CTI do hospital carioca desde 22 de dezembro do ano passado por conta de um sangramento. O comediante chegou a ter o problema controlado, mas apresentou uma infecção pulmonar e retornou à internação. Ele seguia em sessões de fisioterapia respiratória e motora diariamente, somadas a antibióticos.

O ator também já foi submetido a uma laparotomia exploradora, procedimento cirúrgico que serve para revelar um diagnóstico. Essa cirurgia fez com que Chico Anysio tivesse um segmento de seu intestino delgado retirado.

No final de 2010, ele foi levado ao mesmo hospital com falta de ar. Após uma obstrução da artéria coronariana ser encontrada, passou por uma angioplastia, procedimento para desobstrução de artérias. Após 110 dias, teve alta em março do ano passado.

Com fortes dores nas costas, o humorista foi novamente internado em novembro. Ficou no hospital durante cinco dias, para receber medicação intravenosa devido a problema antigo nas vértebras que provocava dor. No fim de novembro, teve febre e os médicos descobriram uma contaminação por fungos, tratada com antibióticos. No começo de dezembro, retornou ao hospital com infecção urinária e ficou internado por 22 dias. Um dia depois, voltou ao Hospital Samaritano.

Nos momentos mais críticos, quando esteve no hospital entre dezembro de 2010 e março de 2011, Chico necessitou da ajuda de aparelhos para respirar e se comunicava com médicos e familiares por meio de mímica. Durante o período pós-operatório, houve o diagnóstico de um tamponamento cardíaco, que acontece quando o sangue se acumula entre as membranas que envolvem o coração (pericárdio).

Durante o período de internação, que alternou momentos no CTI e em unidades intermediárias, Chico Anysio apresentou quadros de pneumonia e passou por sucessivas broncoscopias. As infecções foram tratadas com uso de antibióticos.

Antes, em agosto de 2010, o humorista precisou ser internado para a retirada de parte do intestino grosso após ser constatado um quadro de hemorragia no aparelho digestivo. Em maio de 2009, outra pneumonia o levou ao hospital.

O personagem mais famoso de Anysio foi o Professor Raimundo (Foto: CGCom/TV Globo)

Rádio e TV
Foi no Rádio Guanabara, ainda nos anos 50, que os seus tipos cômicos começaram a surgir. Até o “talento para imitar vozes”, como o proprio Chico descreveria em seu site, evoluir para a televisão. A estreia aconteceu em 1957, na extinta TV Rio, no programa “Aí vem dona Isaura”. Foi lá que o Professor Raimundo teve sua primeira aparição no vídeo, como o tio da protagonista que vinha do Nordeste — até então o programa só havia sido veiculado pelo rádio.

“Até tinha uma coisa de sentar para criar, mas uns nasceram pela voz, outros pelo tipo, pela personalidade, pela caracterização. Sempre fiz questão de que eles fossem encontrados sem que eu estivesse presente. Que alguém dissesse: “‘Na minha terra, tem um Pantaleão. No Rio tem muito Azambuja’”, explicou o humorista ao “Estado de S. Paulo”, em 2009.

Num tempo em que ainda não existiam contratos de exclusividade, Chico pôde fazer participações especiais em programas de outras emissoras e em chanchadas da Atlântida.
O “Chico Anysio Show”, seu primeiro programa de humor, foi lançado no início da década de 60. Foi ao ar pela TV Rio, depois pela Excelsior e em 1982 voltou a ser exibido pela Rede Globo — onde o humorista já trabalhava desde 1969.

Mas foi na Globo que teve seus programas humorísticos de maior sucesso e onde desenvolveu a maioria de seus personagens. Entre as atrações, destaque para “Chico city” (1973-1980), “Chico total” (1981 e 1996) e “Chico Anysio show” (1982-1990).

Alguns desses personagens quase que se misturam à história da televisão brasileira, como o ator canastrão Alberto Roberto, o pão-duro Gastão Franco, o coronel Pantaleão, o pai-de-santo Véio Zuza, o velhinho ranzinza Popó, o alcoólatra Tavares e sua mulher Biscoito (Zezé Macedo) e o revoltado Jovem.

Com o passar dos anos, novos tipos eram criados e incorporados ao programa: o funcionário da TV Globo Bozó, que tentava impressionar as mulheres por conta de sua condição; o mulherengo e bonachão Nazareno, sempre de olho nas serviçais; o político corrupto Justo Veríssimo; e o pai de santo baiano e preguiçoso Painho são alguns dos mais populares.

Apresentada como quadro em outros programas desde a década de 1980, a “Escolinha do Professor Raimundo” tornou-se uma atração independente em 1990. No ar até 2002, o humorístico lançou toda uma geração de comediantes. Entre os “alunos” revelados pelo “professor Chico” estão Claudia Rodrigues, Tom Cavalcante e Claudia Gimenez.

Chico também atuou em novelas e especiais da Globo, como “Pé na jaca” (2007), “Sinhá Moça” (2006), “Guerra e paz” (2008) e “A diarista” (2004). Chico Anysio também teve um quadro fixo no Fantástico por 17 anos (de 1974 a 1991), e supervisionou a criação no programa “Os Trapalhões” no início dos anos 90.

Chico exibe prêmio do Festival do Rio com a equipe do longa 'A hora e a vez de Augusto Matraga', em 2011 (Foto: Alexandre Durão/G1)

Cinema
A incursão mais recente de Chico Anysio no cinema foi como dublador. É dele a voz do protagonista da animação “Up – Altas aventuras”, animação do estúdio Pixar. Antes disso, o humorista fez uma participação especial no recordista de bilheteria “Se eu fosse você 2” (2008), de Daniel Filho. “Nos créditos finais fiz questão de colocar ‘senhor Francisco Anysio’. Ele é um astro, merece ser tratado com toda reverência”, explicou o diretor em entrevista aoG1 durante o lançamento do longa.

Em 1996, o humorista interpretou o personagem Zé Esteves, pai da personagem-título, em “Tieta”, de Cacá Diegues. O trabalho coincidiu com o aniversário de 25 anos da estréia de Chicono cinema, na pornochanchada “O doce esporte do sexo”. Antes havia participado de comédias como “Mulheres à vista” e “Cacareco vem aí”.

Em 2011, em sua última aparição pública, recebeu o prêmio especial do Júri do Festival do Rio pelo seu desempenho no longa “A hora e a vez de Augusto Matraga”, do diretor Vinícius Coimbra.
“O filme é importantíssimo, a obra é linda. Vinícius realizou algo quase inacreditável. É um filme que, tenho certeza, Sergio Leone assinaria com alegria”, destacou o bem humorado Chico, que fez questão de receber o Troféu Redentor pessoalmente, mesmo de cadeira de rodas.

Literatura e artes plásticas
Além de se dedicar ao humor, Chico também foi artista plástico. Apaixonado pela pintura, retratou paisagens ao redor do mundo a partir de fotografias que tirava dos países que visitava. Realizou exposições de seus quadros em diversas galerias do Brasil e chegou a afirmar que gostaria de ter dedicado mais tempo à atividade.

“Porque teria tido mais tempo para aprender, para melhorar. Teria mais tempo para me tornar conhecido e aceito, para vender meus quadros por um preço melhor. Cheguei a admitir que a pintura seria meu emprego da velhice, mas não vai ser, porque ninguém está comprando nada de obra de arte, e pintar para guardar é terrível”, disse em entrevista à “Folha de S. Paulo”, em 2007. Foi autor de 21 livros, tendo publicado vários best-sellers na década de 70, como “O Batizado da vaca”, “O telefone amarelo” e “O enterro do anão”. Sua última publicação foi “O canalha”, lançada em 2000.

“É a história do cara que participou de todos os governos, desde Eurico Gaspar Dutra até o primeiro mandato de Fernando Henrique. Foi ele o responsável por todas as canalhices que ocorreram de lá para cá, como dar um revólver de presente a Getúlio Vargas”, explicaria o escritor Chico Anysio em entrevista à revista “Época”, no mesmo ano.

Outra de suas obras de destaque na literatura é o bem humorado manual “Como segurar seu casamento”, também de 2000. Na época, advertiu os leitores: “Não dou conselhos, transmito os erros que cometi e foram cometidos em cinco casamentos. Conviver é a arte de conceder. Essa troca de concessões gera a convivência harmônica”, comentou.

Carreira esportiva
Caçula de oito irmãos, Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho nasceu no dia 12 de abril de 1931, no município de Maranguape, no Ceará. A cidade constantemente era citada de forma saudosa pelo humorista – seu personagem mais popular, o Professor Raymundo, era de lá.
“Maranguape, cidade de que tanto falo, representa uma grande saudade. Foi um pequeno paraíso, o Éden da minha infância durante gloriosos anos. Foi lá que aprendi a ler sozinho”, escreveu o humorista em seu site oficial.

Aos 7 anos mudou-se para o Rio de Janeiro, após a falência da empresa de ônibus da família. Morador do Catete, contrariou a vontade do pai e do irmão mais velho — botafoguenses convictos — e se tornou vascaíno. Sonhava em ser jogador de futebol.

Mas a carreira esportiva logo foi esquecida, quando Chico passou em testes para ser locutor e ator da Rádio Guanabara. Ele ficou em segundo lugar, perdendo apenas para Silvio Santos.
Nos anos 50, também trabalhou nas rádios Mayrink Veiga, Clube de Pernambuco e Clube do Brasil. Foi na primeira que criou o programa que se tornaria um de seus maiores sucessos, “Escolinha do Professor Raymundo”, inicialmente composta por três alunos: Afrânio Rodrigues (o que sabia tudo), João Fernandes (o que não sabia nada) e Zé Trindade (o que embromava o professor).

Apesar da tentativa de se tornar um galã de radionovelas, sua veia humorística se destacava desde o início. “A rádio Guanabara descobriu meu jeito para imitar vozes. Neste dia perdi minha chance de ser um Tarcísio Meira”, contou o comediante em seu site. Foi assim que começou a compor os mais de 70 tipos cômicos que marcariam sua carreira.

Casamentos e filhos
O primeiro de seus casamentos foi aos 22 anos, com a atriz Nancy Wanderley. Depois foi a vez de Rose Rondelli. Sobre a união com a cantora e ex-frenética Regina Chaves, dizia mal se lembrar. Já com Alcione Mazzeo, rompeu a relação por conta de um ensaio nu. Mas foi seu matrimônio com a ex-ministra da Economia do governo Collor, Zélia Cardoso de Mello — com quem teve dois filhos — que provocou mais polêmica. “Passou a ser uma pessoa de meu desagrado total. Fui um biombo para ela”, disse Chico à revista “Isto É”, em outubro de 2000.

Antes, porém, teve seis filhos, entre eles os atores Lug de Paula (famoso por interpretar o Seu Boneco, da “Escolinha do Professor Raimundo”), Nizo Neto (o Seu Ptolomeu, do mesmo programa, também dublador) Bruno Mazzeo (ator e roteirista). Chico também era tio do ator Marcos Palmeira, filho do cineasta Zelito Vianna, irmão do humorista; e da atriz Maria Maya, filha de Cininha de Paula, sobrinha do humorista.

Em novembro de 2009 foi agraciado com a Ordem do Mérito Cultural, a mais alta comenda do governo brasileiro na área. Da vida, dizia levar apenas um arrependimento: “Me arrependo enormemente de ter fumado durante 40 anos.”

Do: g1.globo.com

“Dá saudade, mãe é mãe” Diz Maria Rita em pré-estreia de show com repertório de Elis

Maria Rita escolheu “Imagem” para abrir o show em homenagem à mãe, Elis Regina, nesta segunda (19) no Rio de Janeiro. O evento para convidados no Vivo Rio antecedeu a estreia oficial em Porto Alegre, em 24 de março.A apresentação começou às 22h20, e após “Imagem”, Maria Rita cantou “Arrastão”. “Todo mundo me pergunta o porquê de eu ter demorado tanto para cantar Elis Regina. A verdade é que eu me emociono muito. Dá saudade, mãe é mãe”, disse Maria Rita em vídeo exibido antes do show.

Regina Duarte, que apresentou o projeto junto com a filha Gabriela Duarte, definiu a turnê como “uma carta de amor dos filhos à mãe”.

“Acho que é uma coisa muito forte, bonito e merecido a Maria Rita cantar Elis. Elis é a grande deusa da MPB, seu grande legado é que ela seguiu a risca a palavra amizade e eu fui um dos amigos escolhidos por ela”, elogiou Milton Nascimento.

Outro amigo de Elis que foi ao evento foi João Bosco. “Vai ser uma emoção muito diferente para a Maria Rita. Estou achando belíssimo a Elis reviver através da Maria Rita. Eu e Elis tivemos anos de intensa amizade, ela gravou dezenas de músicas minhas”.

Ary Fontoura disse lembrar de Maria Rita ainda criança, “de vestido florido indo para a escola”, e Moraes Moreira se disse emocionado. “Vim ouvindo Elis no carro”.

Príncipe Harry chega ao Rio

O príncipe Harry, terceiro na ordem de sucessão na monarquia britânica, chegou por volta das 7h05 desta sexta-feira (9) ao Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, na Ilha do Governador, no Rio.

Harry chegou ao aeroporto em um voo de carreira que veio da Jamaica. O príncipe participará de uma programação que inclui o lançamento da campanha GREAT, que visa a promover a Grã-Bretanha e a atrair investidores para os Jogos Olímpicos de 2012 em Londres. A campanha será lançada na noite desta sexta, no Pão de Açúcar, na Zona Sul do Rio.

A comitiva de Harry saiu do Aeroporto Internacional do Galeão, na Ilha do Governador, em direção à Zona Sul. O príncipe passou pelas principais vias expressas da cidade, entre elas a Linha Vermelha e a Perimetral. Pequenos bloqueios foram montados para que a comitiva passasse pelas vias sem problemas. Apesar das interdições, não houve grandes complicações no trânsito, segundo o Centro de Operações Rio.

É a primeira vez que o príncipe Harry vem ao Brasil e a viagem faz parte de um roteiro que incluiu Belize, Bahamas e Jamaica com o objetivo ainda de celebrar o jubileu da rainha Elizabeth II.

Por questões de segurança, a agenda do príncipe não foi revelada em detalhes, mas na manhã de sábado (10) ele participará de eventos esportivos no Aterro do Flamengo, na Zona Sul, e à tarde, conhecerá uma comunidade, ainda não divulgada.

Henry Charles Albert David, príncipe Henrique de Gales, ou príncipe Harry, como é mais conhecido, é o filho mais novo do príncipe Charles e da princesa Diana, falecida em 1997. O príncipe tem 27 anos e é o mais popular membro da aristocracia britânica. Na linha de sucessão à coroa britânica, Harry ocupa a terceira posição, depois de seu pai e de seu irmão, o príncipe William.

A prefeitura montou um esquema especial de trânsito para a visita do príncipe ao Aterro do Flamengo. O Aterro estará interditado entre 6h e 10h de sábado (10) para as atividades do príncipe, que devem incluir caminhada, rúgbi e vôlei de praia.

Do: g1.com

ESPORTE

São Paulo abre a Copa do Mundo e Rio de Janeiro terá a final

Só falta a bola rolar: A Fifa e o Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014 (COL) divulgaram nesta quinta-feira os detalhes do Mundial no Brasil. Como era esperado, São Paulo receberá a abertura do torneio em 12 de junho, enquanto o Rio de Janeiro, mais uma vez, organizará a final no Maracanã no dia 13 de julho. A Seleção só jogará no estádio carioca se chegar à decisão (veja a tabela completa abaixo).

– Nada como abrir a competição no estado onde nasceu o futebol no Brasil e o desfecho ser no Rio, não poderia ser em outro lugar, que é o templo máximo do futebol brasileiro: o Maracanã – disse o presidente da CBF e do COL, Ricardo Teixeira.

Ricardo Teixeira e Valcke anunciaram detalhes da tabela (Foto: Rafael Maranhão/Globoesporte.com)

O dirigente e o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, foram os responsáveis por revelar os horários e os locais dos principais jogos. A tabela completa foi disponibilizada no site oficial da entidade. Após a abertura no estádio do Corinthians, a Seleção jogará em Fortaleza em 17 de junho e em Brasília, seis dias depois.

As duas semifinais serão em Belo Horizonte e São Paulo, nos dias 8 e 9 de julho. A disputa do terceiro lugar será em Brasília, que foi escolhida também como jogo de abertura da Copa das Confederações em 2013, no dia 12 de julho.

A partida de abertura será disputada às 17h (de Brasília). Ao contrário da África do Sul em 2010, o primeiro dia da Copa só terá um jogo, o do Brasil, que será cabeça-de-chave do Grupo A do Mundial em casa.

Na fase de grupos haverá até quatro jogos por dia: às 13h, 16h, 19h e 22h (horários de Brasília). As oitavas e quartas de final serão às 13h e 17h. As semifinais acontecerão às 17h, enquanto a final será disputada às 16h no Maracanã.

Para chegar à decisão final, Fifa e COL mudaram a tabela 57 vezes. São Paulo sediará no total seis partidas, incluindo uma das semifinais. As cidades com o maior número de jogos são Rio de Janeiro e Brasília, com sete.

Belo Horizonte também será sede de seis partidas, assim como Fortaleza e Salvador. Cuiabá, Manaus, Curitiba e Natal foram as que ficaram com menos jogos, apenas quatro da primeira fase. Porto Alegre e Recife farão cinco confrontos.

O Maracanã é o único dos seis estádios utilizados na primeira Copa do Mundo disputada no Brasil, em 1950, que também fará parte da Copa de 2014. No Mundial de 1950, as outras sedes do torneio foram Belo Horizonte (Estádio Independência), São Paulo (Pacaembu), Curitiba (Durival de Britto), Porto Alegre (Estádio dos Eucaliptos) e Recife (Ilha do Retiro).

Fonte: globoesporte.globo.com

Maranhão lança Plano Maior 2020 nesta quarta (19) no Rio de Janeiro

Com um patrimônio turístico único e diversificado, o Estado do Maranhão se prepara para construir uma nova trajetória de crescimento. Idealizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo (Setur), e executado pela consultoria Chias Marketing, o Plano Maior 2020 – Plano Estratégico de Turismo do Maranhão, será lançado nesta quarta-feira (19), durante a Feira da Abav, no Rio de Janeiro.

O documento norteará as ações do Estado para os próximos 10 anos. A partir da retomada do Plano – a primeira versão foi 2000-2010 -, o Maranhão inicia um processo de recuperação de todo seu potencial turístico e, ao mesmo tempo, contribui para o turismo se consolidar como alternativa de desenvolvimento econômico do estado, gerando emprego e renda.

“Esse trabalho é resultado da determinação da governadora Roseana Sarney, que decidiu trabalhar uma ação abrangente e garantir as condições para que os maranhenses possam usufruir de todo o potencial do Maranhão no setor, garantindo, assim, mais trabalho e mais renda”, declarou o secretário de Estado de Turismo, Jura Filho, que fará a apresentação do Plano no Rio.

A atualização do Plano contou com a participação do setor turístico local e da iniciativa privada. Nele, constam informações sobre os 10 polos turísticos maranhenses e suas rotas, atrativos e sistemas de gestão, além de dados de infraestrutura. Os polos foram classificados por ordem de importância e divididos em três categorias: indutores (São Luís, Lençóis e Chapada das Mesas), estratégicos e de desenvolvimento. Além disso, o Plano segmentou as localidades por temas: turismo de aventura, cultura, ecoturismo, entretenimento, praias, negócios, turismo histórico e náutico.

Em 10 meses, 64 municípios foram visitados e tiveram suas atrações catalogadas e avaliadas para a formatação de estratégias específicas de promoção e de investimentos. Cada um desses destinos passará por programas de profissionalização, estruturação e modernização de seus inventários turísticos, a exemplo do ocorrido durante a primeira versão do Plano. Nessa primeira etapa do Plano Maior 2020, estão previstos recursos de R$ 50 milhões para projetos de melhoria de urbanização e saneamento.

Parte desse valor também será direcionada para atividades de promoção. O Plano mapeou no Brasil e no mundo os mercados emissores com maior potencial para o Maranhãoe definiu estratégias de comunicação entre turistas e o trade turístico. Até 2020, o grande desafio, segundo a Secretaria de Turismo, é posicionar o estado entre os 10 principais destinos turísticos do Brasil.

O Plano Maior 2020 estima que a atividade turística no estado cresça o mínimo de 10% ao ano até 2020 e prevê a entrada de 2,6 milhões de turistas no Maranhão até 2014. Em 2010, o destino recebeu 1,97 milhão. Desse total, 98,37% dos turistas foram brasileiros, sendo que 51% eram compostos pelos próprios maranhenses, e apenas 1,63% eram estrangeiros.

Maranhão, Único!

Sob o conceito “Maranhão, Único!”, o destino inicia uma nova era em comunicação. E o primeiro passo consiste em uma inovadora campanha publicitária, apresentando o Estado como um lugar de atrações únicas e que reúne em seu território desde um deserto de areia com lagoas de águas cristalinas até o maior acervo de azulejos portugueses fora de Portugal e o maior delta em mar aberto das Américas. O foco da campanha é estimular o desejo de brasileiros e estrangeiros em conhecer as riquezas culturais e gastronômicas e as belezas naturais do Maranhão.

A campanha será divulgada em duas fases e para dois públicos distintos: o consumidor final e o trade turístico. A primeira etapa começa durante a Feira da Abav e consiste no lançamento do novo posicionamento turístico do Maranhão. Diversas ações na mídia nacional e internacional estão programadas até o final do ano. Já a segunda fase da campanha, focando na promoção e oferta dos principais destinos maranhenses, tem início em maio de 2012.

O desenvolvimento de um novo portal também integra esse novo momento do turismo do Maranhão. O website www.maranhaounico.com.br oferecerá ao visitante novas possibilidades de interação. A sensação de tocar a água ou escrever na areia poderá ser realizada, mesmo que de forma virtual. O portal traz ainda folhetos dos destinos e um mapa detalhado para os profissionais do setor de turismo. Criado em um ambiente amigável e bilíngue, o website estará conectado às redes sociais. A partir de novembro, o novo portal entra em operação e com ele uma campanha publicitária online.

Casa de Renato Aragão é assaltada no Rio de Janeiro

Na madrugada desta quinta-feira (13), a casa do humorista Renato Aragão foi assaltada na Barra da Tijuca, zona Oeste do Rio de Janeiro. O intérprete do personagem “Didi” está viajando com a família, de acordo com informações da rádio CBN.

Segundo a polícia, funcionários teriam sido rendidos pelos criminosos por volta da 1h. Os próprios empregados da residência chamaram a polícia, após a fuga dos bandidos.

A Polícia Civil está colhendo depoimentos de funcionários e seguranças do condomínio fechado de alto luxo. Ainda não há informações sobre o número de bandidos, o que foi levado e como eles invadiram o condomínio, que tem um alto nível de segurança.

Mateus Solano e Paula Braun casam com festa no Rio

Juntos há mais de três anos, Mateus Solano e Paula Braun oficializaram a união na noite de sábado (24).

Os pais de Flora, que nasceu há 11 meses, disseram o ‘sim’ na casa de festas  Solar Real, em Santa Teresa, no Centro do Rio. Cerca de 200 pessoas participaram do enlace, entre elas Lília Cabral, Bárbara Paz, Adriana Birolli, Flávia Alessandra e Otaviano Costa.

O cientista Ícaro de Morde & Assopra e  a mulher já haviam se casado uma semana antes em sinagoga. Na ocasião, Solano teria falado em hebraico durante a solenidade.

Malvino Salvador sem camisa é tudo de bom!

Malvino Salvador parou a praia da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, na tarde desta quarta-feira (21). Acompanhado por Carlos Casagrande, o ator gravou Fina Estampa, da Globo, sem camisa, arrancando suspiros de mulherada de plantão.

Desfilando a barriga sarada, ele se alongou, correu e recebeu os cuidados da produção, que passou protetor no galã, no intervalo da gravação.

Rihanna toma caipirinha e faz tatuagem de henna em praia do Rio de Janeiro

cantora Rihanna passou nesta terça-feira um dia relaxante na praia de Ipanema, no Rio de Janeiro, provando caipirinha e fazendo tatuagem de henna no braço, informou a imprensa local.

A cantora de Barbados está no Brasil desde a semana passada para uma série de shows, pela turnê “Loud Tour”. No dia 17, Rihanna se apresentou em São Paulo, no dia 18, em Belo Horizonte, e nesta quarta-feira fará um show em Brasília. Na capital carioca a cantora participará, na sexta-feira, pela primeira vez, do Rock in Rio.

A diva do pop se deixou fotografar despenteada e de pijama no balcão do quarto do luxuoso hotel que está hospedada em Ipanema.

Depois, a cantora foi à praia na companhia de amigos e passou a manhã fazendo um castelo de areia com crianças.

CIDADE MARAVILHOSA

Com o brilho do site para a carismática Sol Oliveira que recentemente esteve no Rio de Janeiro que é considerada mundialmente cidade maravilhosa, pois é Rio de janeiro continua lindo!!!

Por: William Santos